AKMOS RIO VERDE EMPRESA QUE VISA BEM ESTAR E SAÚDE, ENTRE EM CONTATO CONOSCO 9 99556232 OU 9 96952991 TEMOS A LINHA AKMOS COMPLETA .

Assessoria de Cultura de Rio Verde, promove exposição de imagens da Rota das Monções, na Agência do Banco do Brasil

Assessoria de Cultura de Rio Verde, promove exposição de imagens da Rota das Monções, na Agência do Banco do Brasil.

Uma das ações mais importantes do período colonial brasileiro, as expedições exploratórias originárias de São Paulo, em busca das riquezas do interior do País, chamadas de rotas das monções.

A Assessoria de Cultura, promoveu, na agência do Banco do Brasil a exposição de imagens do fotógrafo Cid Nogueira, que acompanhou a Rota das monções e registrou momentos mágicos durante o trajeto. O rio Coxim é um rio histórico que foi massivamente utilizado nos séculos XVII e XVIII pelos escoteiros brasileiros para escravizar índios nativos, explorar ouro e, mais tarde, diamantes, no extremo oeste do Brasil. Esse movimento histórico, conhecido como “Caminho dos Historiadores”, pode ser recordado com a Rota das Monções. Fazendas e aldeias estabelecidas na região norte do estado e deu à luz as cidades e as localidades rurais dos dias atuais.

A Rota das Monções foi realizada com recursos do Governo do Estado por meio do FIC – Fundo de Investimentos Culturais de Mato Grosso do Sul e apoio das prefeituras de Rio Verde de MT e de Coxim e do Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento da Bacia do Rio Taquari (COINTA).

Rota das Monções

As monções foram um movimento migratório histórico fundamental na consolidação da fronteira oeste do Brasil e na criação da identidade cultural regional. Tratava-se de expedições fluviais realizadas ao longo dos séculos XI ao XIX, pós-entradas das bandeiras, que tinham a função de transportar pessoas, alimentos, víveres, armamentos, especiarias, cargas em geral e principalmente ouro entre Porto Feliz (SP) e Cuiabá (MT) e vice-versa.

Essas expedições duravam de quatro a seis meses dependendo da estação do ano e eram verdadeiras epopeias, pois os viajantes, além de enfrentar intempéries, tinham de se proteger de povos nativos hostis, insetos e animais ferais, além de passarem por situações dificílimas de navegação, em uma época em que não havia motores e outros adventos tecnológicos.

Desde os anos 1990, um grupo de empresários e entusiastas da história e da cultura regional dos municípios da Rota Norte MS se uniu e passou a realizar eventos alusivos ao tema, criando até um roteiro turístico que vem recebendo anualmente cada vez mais turistas estrangeiros, tendo como grande momento os jogos olímpicos e para-olímpicos de 2016, quando mais de uma centena de turistas europeus visitaram a região.


FONTE-ASSESSORIA
29/12/2017

 

Participe da Enquete
VOCÊ COSTUMA FAZER COMPRAS PELA INTERNET?
SIM
NÃO
AS VEZES
NÃO SEI RESPONDER
:: Mais Lidas ::

Varias ações vem sido tomada pelo Estado e a sociedade civil...

A AUTORA ESCREVE TODOS OS GÊNEROS O QUE FAZ A DIFERENÇA. ...

Foto: News de RV Na manhã desta terça-feira (26), em ...

Foto: Reprodução Facebook Com um trabalho de reorgani...

Fotos: Reprodução A assistente social Aline Loubet da...

NEWS DE RV - Primeiro Site de Notícias de Rio Verde
Telefones: (67) 99955-6232 / (67) 99695-2991 / 3292-4134

Todos Direitos Reservados - www.newsderv.com.br Desenvolvido por
Sitedaempresa